Lusa | José Sena Goulão

Mundial’22: Portugal perdeu com a Coreia do Sul de Paulo Bento e vai defrontar a Suíça nos ‘oitavos’

Desporto

 

Portugal conquistou ontem o Grupo H do Mundial de futebol de 2022, apesar de perder por 2-1 com a Coreia do Sul, de Paulo Bento, que se qualificou para os ‘oitavos’, eliminando Uruguai e Gana.

A formação lusa, que já estava apurada, adiantou-se aos cinco minutos, por Ricardo Horta, mas, aos 27, Kim Young-Won empatou, depois de uma assistência involuntária de Cristiano Ronaldo, e, aos 90+1, Hwang Hee-chan selou a reviravolta.

Os sul-coreanos saltaram, assim, para o segundo lugar, beneficiando do triunfo por 2-0 do Uruguai sobre o Gana, selado por um ‘bis’ de Giorgian De Arrascaeta, aos 26 e 32 minutos.

Na classificação, Portugal somou seis pontos, contra quatro da Coreia do Sul e do Uruguai, com vantagem dos asiáticos nos golos marcados (4-4 contra 2-2), e três do Gana.

Portugal defronta agora a Suíça nos ‘oitavos’ do Mundial, e, seguindo em frente, jogará com Espanha ou Marrocos nos ‘quartos’ e, provavelmente, França ou Inglaterra nas ‘meias’, ‘deixando’ Argentina ou Brasil para a final.

Como vencedor do Grupo H, Portugal disputará o seu primeiro jogo a eliminar na terça-feira, pelas 20h00 (hora de Paris), em Lusail, frente aos helvéticos.

Os suíços, que nunca encontraram Portugal na fase final de um Mundial, acabaram no segundo lugar do Grupo F, depois de ontem baterem a Sérvia por 3-2. Com mais um tento tinham vencido o agrupamento e colocado os ‘canarinhos’ no caminho luso.

A formação lusa já tem adversário nos ‘oitavos’ e sabe que, atingindo os ‘quartos’, só tem duas possibilidades, a Espanha ou Marrocos, duas Seleções que defrontou cada qual em duas ocasiões em Mundiais, nomeadamente na fase de grupos de 2018.

 

Coreia do Sul 2-1 Portugal

Ao intervalo: 1-1

Jogo no Estádio Cidade da Educação, em Doha

Assistência: 44.097 espetadores

Árbitro: Facundo Tello (Argentina)

Ação disciplinar: cartão amarelo para Lee Kang-in (36 min) e Hwang Hee-chan (90+2 min).

Marcadores: Ricardo Horta (05 min), Kim Young-gwon (27 min) e Hwang Hee-chan (90+1 min)

Coreia do Sul: Kim Seung-gyu, Kim Moon-hwan, Kim Jin-su, Kwon Kyun-gwon, Kim Young-gwon (Son Junho, 81 min), Jung Woo-young, Hwang In-beom, Lee Kang-in (Hwanh Uijo, 81 min), Lee Jae-sung (Hwang Hee-chan, 66 min), Son Heung-min e Cho Gue-sung (Cho Yu-min, 90+3 min). Suplentes: Song Bum-keun, Jo Hyeon-woo, Yoon Jong-gyu, Kim Min-jae, Paik Seun-gho, Hwang Hee-chan, Son Junho, Hong Chul, Hwanh Uijo, Na San-gho, Kwon Chan-ghoon, Kim Taeh-wan, Cho Yu-min, Jeong Woo-yeong e Song Mik-kyu. Selecionador: Paulo Bento (substituído no banco por Sérgio Costa devido a castigo).

Portugal: Diogo Costa, Diogo Dalot, Pepe, António Silva, João Cancelo, Rúben Neves (Rafael Leão, 65 min), Vitinha (William Carvalho, 82 min), Matheus Nunes (João Palhinha, 65 min), João Mário (Bernardo Silva, 82 min), Ricardo Horta e Cristiano Ronaldo (André Silva, 65 min). Suplentes: Rui Patrício, José Sá, Raphaël Guerreiro, Rúben Dias, João Palhinha, William Carvalho, Bruno Fernandes, Bernardo Silva, João Félix, Rafael Leão, Gonçalo Ramos e André Silva. Selecionador: Fernando Santos

 

Donativos LusoJornal