Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

O lusodescendente Philippe Vieira da Silva quer ser o próximo Maire de Villeurbanne (69), e é pois candidato às próximas eleições municipais agendadas para os dias 15 e 22 de março nesta cidade dos arredores de Lyon.

Os pais emigraram para a região de Lyon, diretamente para a cidade de Villeurbanne, nos anos 70, vindos da região de Braga, em Portugal, e rapidamente aqui encontraram trabalho e construíram a sua vida de família, onde cresceu, estudou e ainda vive Philippe, com mais cinco irmãos.

“Eu sou mais ‘vileurbannais’ que português, pois nasci nesta cidade e foi aqui que eu fiz os meus estudos, e também várias formações, e onde sempre vivi até hoje” explica ao LusoJornal.

Com 44 anos de idade, casado e pai de dois filhos, Philippe Vieira da Silva é empresário. “Estou na criação e na organização de eventos musicais, culturais e de lazer, no meu espaço Zola, e onde existe uma escola de dança que se chama ‘Baila comigo’”.

“O meu projeto é sobretudo trazer algo de novo ao nível do imobiliário para Villeurbanne. Quero criar uma comissão com novas aberturas e também ideias de novos alojamentos sociais, em toda a cidade, e onde a Mairie seria o autor desses projetos, e ser ela a gerir as riquezas aqui criadas nesta cidade. Na minha lista estão 59 membros, e espero que a Comunidade portuguesa de Villeurbanne me possa apoiar neste projeto” disse Philippe Vieira da Silva.

Os valores humanos e os valores judio/cristãos de Philippe Vieira da Silva fazem dele um homem muito apreciado pela população de Villeurbanne. Vive regularmente estes encontros, onde expõe os seus projetos, assim como a toda a equipa municipal, com quem confronta todas estas possibilidades e projetos, do alojamento ao ensino.

O seu plano de alojamento implica a construção de cerca de dois mil alojamentos sociais por ano, num valor de cinquenta milhões de euros. São estes os principais projetos que Philippe Vieira da Silva quer apresentar e concretizar na cidade de Villeurbanne.

“A minha família, eu quero vê-la viver e crescer em harmonia e sempre com a minha presença nesta cidade. Sou também um empresário de esquerda social, o imobiliário de hoje de particulares quero que seja da Mairie de Villeurbanne. E que os habitantes possam usufruir com equilíbrio destas riquezas” concluiu.

Philippe Vieira da Silva confiou ainda que estará sempre atento e aberto a todas as propostas feitas por outros candidatos, como integrar projetos que se assimilem aos que ele hoje defende.

 

 

X