Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

O atleta luso Ricardo Gouveia (na foto) é o único Português que continua ainda em prova no Amundi Open de France de golfe, que decorre no Golf National em Guyancourt na Região parisiense de 17 a 20 de outubro, visto que Pedro Figueiredo foi desclassificado.

 

Ricardo Gouveia quer continuar em prova

Segundo dia de prova para Ricardo Gouveia que começa o percurso desta sexta-feira durante a tarde. Para continuar em prova, o Português tem de ficar nos 60 primeiros classificados.

Recorde-se que no primeiro dia o atleta luso teve vários altos e baixos. Ricardo Gouveia conseguiu por quatro vezes estar abaixo do par (-1) nos buracos 4, 5, 11 e 14, no entanto houve certas dificuldades nos buracos 3 e 17 em que acabou com um ponto acima do par.

O percurso estava a ser bem conduzido pelo atleta luso, mas no derradeiro buraco, no 18, enviou duas vezes a bola para a água, e acabou com dois pontos acima do par (!), terminando o primeiro dia de prova com 71 pancadas, chegando ao par e estando no 50° lugar.

Em entrevista ao LusoJornal, Ricardo Gouveia não estava totalmente satisfeito com o resultado: «Não joguei mal até aos últimos dois buracos. Os dois últimos buracos custaram-me muitas pancadas, mas é um campo onde isto pode acontecer. Joguei bem os 16 primeiros buracos, foi pena o final. No último buraco enviei uma primeira vez a bola para a água, e depois tentei uma aproximação direta para o ‘Green’, mas a bola foi novamente para a água. Mas pronto consegui terminar», analisou o atleta português.

Ricardo Gouveia vai tentar ultrapassar o cut num campo que ele próprio considera como difícil: «Par neste campo não é um resultado muito mau, acho que, com o meu jogo, poderia ter feito muito melhor, foi pena o final. (Hoje) se faço uma boa volta, consigo subir na tabela. Vou tentar fazer o melhor resultado», concluiu.

Nesta sexta-feira Ricardo Gouveia vai tentar ultrapassar o cut, ficar entre os 60 primeiros para poder competir no sábado e no domingo.

 

Pedro Figueiredo fora do Open de France

Pedro Figueiredo até conseguiu ter bons resultados na quinta-feira, estando abaixo do par (-1) nos buracos 6, 13 e 16, e resultados menos bons com um ponto acima do par nos buracos 7 e 18.

No fim do percurso de 18 buracos, Pedro Figueiredo estava com um total de 70 pancadas, uma abaixo do par.

O pior para Pedro Figueiredo chegou um pouco mais tarde nesse mesmo dia com uma desclassificação. O atleta luso mostrou-se dececionado em conversa com o LusoJornal e explicou que foi por causa de «um drop mal feito», admitindo que não se tinha apercebido de nada. A prova terminou para Pedro Figueiredo.

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 2 Votos
10.0
X