Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

O surfista português Frederico Morais (na foto) foi eliminado esta quinta-feira na quarta ronda do Meo Rip Curl Pro Portugal, 10ª e penúltima etapa do circuito mundial, ao ser derrotado pelo Brasileiro Gabriel Medina e pelo Taitiano Michel Bourez.

O atleta luso, 22º do ranking mundial, acabou por perder, marcando 3,63 pontos, enquanto Michel Bourez marcou 7,84 pontos e Gabriel Medina 11,67 pontos.

Mais cedo nesta quinta-feira, Frederico Morais tinha eliminado o Norte-americano Conner Coffin na terceira ronda, mas o Português sabia que não ia ser fácil na quarta ronda, que lhe foi fatal: “Estou muito feliz por passar. Já sabia que ia ser muito difícil porque ele é um grande surfista, mas foi bom. Virei o heat a meio e depois fui capaz de gerir. Cheguei aqui numa situação difícil no ranking, mas esta minha prova já me dá mais segurança. Mas ainda não acabou”, tinha afirmado Frederico Morais.

O surfista francês Jérémy Florès foi eliminado na terceira ronda, perdendo frente ao Japonês Kanoa Igarashi.

 

Joan Duru, único sobrevivente

O também surfista francês Joan Duru conseguiu eliminar o Brasileiro Filipe Toledo, número 2 no ranking mundial, na terceira ronda, e na ronda seguinte, alcançou o apuramento derrotando o Japonês Kanoa Igarashi e o Australiano Wade Carmichael. Joan Duru prossegue a aventura portuguesa com os quartos de final que deverão decorrer na sexta-feira.

O Meo Rip Curl Pro Portugal prolonga-se até 27 de outubro, na praia de Supertubos, em Peniche, distrito de Leiria.

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 3 Votos
9.4
X