Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

O FC Porto qualificou-se para os oitavos de final da Taça de Portugal de futebol, ao vencer por 2-0 na receção ao Belenenses SAD, num dos três jogos entre primodivisionários da quarta eliminatória da prova.

O avançado brasileiro Soares inaugurou o marcador logo aos 12 minutos, resultado que se manteve até ao intervalo (1-0), cabendo ao compatriota Otávio fechar a contagem, aos 58, três minutos depois de ter falhado uma grande penalidade.

No fim do encontro, Sérgio Conceição, Treinador do FC Porto, estava satisfeito com o resultado: «Ultrapassámos um adversário que é sempre incómodo e difícil. Acho que fizemos um bom jogo, criámos várias situações de golo, condicionámos o Belenenses naquilo que gosta e sabe fazer. Os jogadores estão de parabéns porque foi uma vitória importante», afirmou o Técnico portista.

Igualmente no fim do jogo, Silas, Treinador do Belenenses SAD, culpabilizou a sua equipa pela derrota: «Acho que o FC Porto não criou assim tantas ocasiões, nós com bola é que estivemos muito aquém do que poderíamos ter feito, acabámos por perder demasiadas vezes a bola. Quando aqui voltar para o jogo da Liga, espero estar muito melhor. Este resultado foi acima de tudo culpa nossa», assegurou o Técnico da equipa lisboeta.

O FC Porto contou com três jogadores de países francófonos: O Franco-Maliano Moussa Marega, e o Congolês Chancel Mbemba entraram no decorrer da segunda parte, enquanto o Franco-Argelino Yacine Brahimi ficou no banco de suplentes.

O Belenenses SAD conta com quatro francófonos: O Francês Vincent Sasso e o Guineense Alhassane Keita foram titulares, enquanto o Franco-Maliano Ousmane Dramé e o Franco-Marroquino Zakarya Bergdich ficaram no banco de suplentes.

O FC Porto juntou-se aos rivais lisboetas Benfica e Sporting, assim como ao Desportivo das Aves, detentor do troféu, que já estavam apurados para os oitavos de final da Taça de Portugal.

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 2 Votos
7.5
X