Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

No quadro do seu seminário “Lire le Brésil”, a Association pour la Recherche sur le Brésil en Europe (ARBRE) recebe o Professor Eduardo Morettin, na terça-feira, dia 21 de janeiro, das 17h00 às 19h00, no centro de colóquios do Campus Condorcet em Aubervilliers (93).

Eduardo Morettin é professor em Ciências da Comunicação na Universidade de São Paulo e professor convidado no Institut des Hautes Études de l’Amérique Latine. A sua apresentação tem como título “História e audiovisual: trajetória de um grupo de investigação”. Eduardo Morettin fará uma retrospetiva do trabalho realizado no âmbito dos projetos “História e Audiovisual: circularidades e formas de comunicação” e “Cinema e história no Brasil: estratégias discursivas do documentário na construção de uma memória sobre o regime militar”. Ele analisará, nomeadamente, um excerto do documentário “Retratos de identificação” realizado em 2014 por Anita Leandro.

Durante a ditadura militar, presos políticos eram fotografados em diferentes situações: investigações, interrogatórios, exames de corpo de delito, processos de banimento, inquéritos policiais militares e necropsias. Confrontadas ao testemunho de sobreviventes, essas fotografias, tiradas com o objetivo de controle dos prisioneiros são a matéria do filme “Retratos de identificação”.

Estes projetos de investigação deram lugar às seguintes publicações: Eduardo Morettin, “O cinema como fonte histórica na obra de Marc Ferro”, História: questões & debates, Curitiba, n°38, 2003, p. 11-42; Reinaldo Cardenuto, “Memórias em negociação: documentário brasileiro nos trânsitos entre a história e a subjetividade” (chap. 8), in Eduardo Morettin, Marcos Napolitano (org.), “O cinema e as ditaduras militares. Contextos, memórias e representações audiovisuais”, São Paulo, Intermeios/Porto Alegre, Famecos, 2018.

O seminário “Lire le Brésil”, organizado pela ARBRE tem uma frequência mensal e consiste em sessões de apresentação e discussão de trabalhos de investigação em curso por investigadores brasileiros ou que trabalhem sobre o Brasil na área das Ciências sociais.

A ARBRE (Association pour la Recherche sur le Brésil en Europe) é uma associação que visa contribuir para o desenvolvimento da investigação sobre o Brasil na Europa nas áreas de Ciências Sociais e Humanas. As atividades principais têm lugar sobretudo em França e no Brasil, mas a associação está aberta a investigadores de toda a Europa.

O seminário será realizado no Centre de colloques du Campus Condorcet, na sala 3.01 – Place du Front populaire, 93322 Aubervilliers.

Inscrições: arbrecontact@gmail.com

www.arbre-asso.com/seminaire-lire-le-bresil

 

Cultura
X