Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Desporto

 

A delegação de Cabo Verde que vai participar nos Jogos Olímpicos e nos Jogos Paraolímpicos de Paris em 2024 vai ficar instalada em Parthenay (79). O acordo foi assinado nesta sexta-feira, dia 30 de setembro, pela Communauté de Communes Parthenay-Gâtine, durante um duplex em vídeo com Cabo Verde.

Participaram nesta reunião Filomena Spencer Fortes, Presidente do Comité Olímpico de Cabo Verde, José Rodrigo Bejarano, Presidente do Comité Paraolímpico de Cabo Verde e Jean-Michel Prieur, Maire de Parthenay, Presidente da Communauté de communes de Parthenay-Gâtine e Presidente do CDOS 79 (Comité Départemental Olympique et Sportif des Deux-Sèvres).

“É a primeira vez que Cabo Verde escolhe um Centro de preparação para os Jogos Olímpicos e preferimos uma cidade de tamanho médio, em vez de uma grande cidade, para assegurar uma melhor preparação e um melhor acolhimento dos nossos atletas” disse Filomena Spencer Fortes.

O primeiro contacto com a delegação cabo-verdiana teve lugar em abril de 2022 e desde então, dois técnicos de Cabo Verde vieram a Parthenay para visitarem os equipamentos desportivos.

Agora, durante dois anos, o território de Parthenay-Gâtine vai viver com as cores de Cabo Verde e vai promover o país para além do desporto, nomeadamente com ações a nível escolar, cultural, folclórico e económico.

A delegação de Cabo Verde que participou nos JO de Tóquio integrou 9 atletas olímpicos e 5 paralímpicos. Para 2024, a delegação deve integrar cerca de 15 atletas nas modalidades de natação, ginástica, judo, esgrima, taekwondo, boxe, atletismo, basquetebol e andebol, em função dos resultados. A estes juntam-se os treinadores, selecionadores, equipa médica e oficiais.

O acordo assinado na sexta-feira prevê que o Comité Olímpico de Cabo Verde financia o alojamento e a alimentação da delegação, enquanto a cidade e a Communauté de communes financiam as deslocações e põem à disposição as infraestruturas, nomeadamente o estádio de Parthenay, a piscina, os ginásios e os dojos.

Toda a delegação vai ficar no mesmo hotel e deve chegar três semanas antes do início dos Jogos Olímpicos, a 26 de julho e dos Jogos Paraolímpicos, a 28 de agosto.

 

Donativos LusoJornal
X