Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Cultura

 

A emigração portuguesa vai estar em destaque no Amadora BD 2022, que tem a relação Portugal-França como tema central, segundo a organização e destaca-se em particular a exposição “Os Portugueses”, de Oliver Afonso & Chico, que conta “a vida aventureira dos emigrantes num bairro de lata nos arredores de Paris”.

A 32ª edição do festival de banda desenhada e ‘cartoons’ decorre entre 20 e 30 de outubro e enquadra-se na agenda da Temporada França Portugal 2022.

A Diretora do Amadora BD, Catarina Valente, assinalou a parceria entre Portugal e França para projetar autores portugueses no mercado francês, aproveitando a cooperação em curso com o Festival de banda desenhada de Lyon e que se estende no próximo ano.

“Muitas edições que saem em Portugal são adaptações de obras francesas, mas falta a produção portuguesa em França”, resumiu, querendo tornar o Amadora BD numa “plataforma de lançamento”.

Ao todo, são 13 exposições espalhadas por três pontos da cidade da Amadora: a Galeria Artur Boal, a Biblioteca Municipal Fernando Piteira Santos e o Ski Skate Park, local que Catarina Valente descreve como a “cidade da banda desenhada”.

Esse espaço será o ponto central do festival, que contará pela primeira vez com uma zona dedicada a videojogos, para além de uma área comercial e alimentar.

O Amadora BD realiza-se desde 1990, com a organização da Câmara Municipal da Amadora, e reúne autores nacionais e internacionais, editores, agentes e colecionadores destes géneros.

 

Donativos LusoJornal
X