Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

João Gomes Gonçalves, um jovem português de 22 anos, foi condenado a 16 anos de prisão em França por roubos violentos a duas idosas sexagenárias.

O Tribunal dos Alpes-Maritimes condenou o jovem português após João Gomes Gonçalves ter admitido os crimes que cometeu, em 2017, em Nice: Ter roubado duas idosas com cerca de 60 anos. No entanto, o Português negou ter abusado sexualmente das duas mulheres.

Em 2017, e segundo as informações recolhidas, João Gomes Gonçalves entrava armado em casa das reformadas, aproveitando, por exemplo, andaimes para escalar os prédios e entrar pela janela.

O procurador do tribunal de Nice, o Sr. Mendes, tinha solicitado 18 anos de prisão, mas a pena foi reduzida para 16 anos após três dias audiências à porta fechada. O jovem português anda pode recorrer de sentença. Ficou ainda definido que João Gomes Gonçalves também fica proibido de voltar a morar em França.

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 2 Votos
7.4
X