Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

O Rennes, onde atua o lusodescendente Damien da Silva (na foto), derrotou o Paris Saint-Germain por 2-1 no Roazhon Park, num jogo a contar para a segunda jornada do campeonato francês de futebol, a Ligue 1.

Após o 3-0 caseiro frente ao Nîmes, o Paris Saint-Germain estava bem encaminhado para seguir o seu caminho tranquilo até ao título de Campeão nacional.

No entanto tudo não correu como seria de esperar na deslocação ao terreno do Rennes, que recordamos venceu o PSG na final da Taça de França por 6-5 na marcação das grandes penalidades após o empate a duas bolas no fim do tempo regulamentar e do prolongamento, no passado mês de abril.

Entretanto, a 3 de agosto, o Paris Saint-Germain arrecadou a Supertaça francesa por 2-1 frente ao Rennes em Shenzhen na China.

O PSG parecia ser novamente o PSG, o Papão de títulos em França nos últimos anos. A primeira parte e os primeiros minutos foram favoráveis aos Parisienses, que concretizaram essa dominação com um tento do avançado uruguaio Edinson Cavani aos 36 minutos de jogo, isto após um erro de compreensão entre o defesa franco-português Damien da Silva e o guarda-redes Romain Salin. De notar que Romain Salin chegou neste Verão ao Rennes proveniente do Sporting CP.

Uma vantagem que não durou muito tempo. O Rennes, em casa, reagiu e empatou com golo do avançado senegalês M’Baye Niang aos 44 minutos. No intervalo o empate permanecia.

A segunda parte começou como terminou a primeira com um golo do Stade Rennais. Aos 48 minutos, o jovem franco-angolano Eduardo Camavinga, de apenas 16 anos, colocou a bola na área para o cabeceamento do avançado francês Romain Del Castillo que apenas teve de empurrou para o fundo da baliza parisiense.

O Rennes passou para a frente do marcador e conseguiu aguentar a pressão do Paris Saint-Germain. Sem o Brasileiro Neymar, o campeão do mundo francês Kylian Mbappé pareceu algo isolado na tentativa de desbloquear a situação.

Primeira derrota para o PSG, logo na segunda jornada da temporada 2019/2020, o que significa que os Parisienses ocupam atualmente a 8ª posição com três pontos. Quanto ao Rennes do Luso-Francês Damien da Silva, capitão da equipa, e do Franco-Angolano Eduardo Camavinga, estão no terceiro lugar com seis pontos, os mesmos que o líder, o Lyon.

Na próxima jornada o PSG recebe o Toulouse no Parc des Princes a 25 de agosto pelas 21h00, enquanto o Rennes desloca-se ao terreno do Strasbourg a 25 de agosto pelas 17h00.

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 3 Votos
9.6
X