Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

O Francês Julian Alaphilippe (Deceuninck-Quick Step) reforçou a liderança da Volta a França em bicicleta, ao terminar no segundo lugar a 14.ª etapa, que terminou no Tourmalet, onde venceu o seu compatriota Thibaut Pinot (Groupama-FDJ).

Thibaut Pinot assegurou o seu terceiro triunfo em etapas do Tour, ao concluir os 111 quilómetros desde Tarbes, em 3:20.20 horas, menos seis segundos do que Julian Alaphilippe e do que o Holandês Steven Kruijswijk (Jumbo-Visma), segundo e terceiro classificados, respetivamente.

Quanto aos Portugueses, Nelson Oliveira com a equipa Movistar terminou no 87° lugar a 20 minutos e 19 segundos do Francês, Rui Costa com a equipa UAE-Emirates acabou na 90ª posição a 20 minutos e 19 segundos do vencedor, enquanto José Gonçalves terminou no 126° lugar com a equipa Katusha Alpecin a 24 minutos e 18 segundos de Thibaut Pinot.

Com o segundo lugar na etapa, que culminava com um prémio de montanha de categoria especial, após 19 quilómetros de subida, Julian Alaphilippe, um dia depois de vencer o contrarrelógio individual, voltou a cimentar o seu primeiro lugar, aumentando para 2 minutos e 02 segundos a vantagem sobre o britânico Geraint Thomas (INEOS), vencedor da prova em 2018, que não foi além do oitavo lugar, a 36 segundos de Pinot.

Na geral do Tour de France, os Portugueses ocupam os seguintes lugares: Rui Costa está na 53ª posição a 55 minutos e 23 segundos do líder, Nelson Oliveira subiu para o 93° lugar a 1 hora 37 minutos e 36 segundos, enquanto José Gonçalves ocupa o 130° lugar a 2 horas 06 minutos e 51 segundos do Francês.

No domingo, o pelotão da 104.ª edição da ‘Grande Boucle’ vai enfrentar os 185 quilómetros da 15.ª etapa, entre Limoux e Foix, numa ligação com quatro contagens de montanha, uma de segunda e três de terceira, a última das quais na chegada.

 

LusoJornal Artigos
Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 2 Votos
7.1
X