Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

Egan Bernal (INEOS) tornou-se o primeiro colombiano a conquistar o Tour de France, após a conclusão da 21ª e última etapa da mais importante prova velocipédica mundial, vencida ao ‘sprint’ pelo Australiano Caleb Ewan (Lotto Soudal).

Caleb Ewan impôs-se sobre a meta, nos Campos Elísios, ao Holandês Dylan Groenewegen (Jumbo-Visma) e ao Italiano Niccolò Bonifazio (Total Direct Energie), segundo e terceiro classificados, respetivamente, concluindo em 03:04.08 horas os 128 quilómetros da tirada entre Rambouillet e Paris.

Quanto aos Portugueses, Nelson Oliveira com a equipa Movistar terminou no 93° lugar a 41 segundos do Australiano, Rui Costa com a equipa UAE-Emirates acabou na 100ª posição a 45 segundos do vencedor, enquanto José Gonçalves terminou no 124° lugar com a equipa Katusha Alpecin a 1 minuto e 04 segundos de Caleb Ewan.

A última etapa da 106.ª edição do Tour consagrou Bernal, que terminou à frente do Britânico Geraint Thomas, colega de equipa na INEOS e campeão no ano passado, e do Holandês Steven Kruijswijk (Jumbo-Visma), pelos quais foi acompanhado no pódio final.

Aos 22 anos e seis meses, Bernal é o terceiro mais jovem a vencer a ‘Grande Boucle’, depois do francês Maurice Garin, em 1904, e do luxemburguês François Faber, em 1909, assumindo-se como o maior protagonista de uma prova que contou com os portugueses Rui Costa (UAE Emirates), Nelson Oliveira (Movistar) e José Gonçalves (Katusha-Alpecin).

Na geral do Tour de France, os Portugueses acabaram nos seguintes lugares: Rui Costa na 53ª posição a 1 hora 59 minutos e 02 segundos do líder, Nelson Oliveira no 79° lugar a 2 horas 35 minutos e 51 segundos, e José Gonçalves no 128° lugar a 3 horas 47 minutos e 15 segundos do Colombiano.

 

LusoJornal Artigos
Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 2 Votos
2.7
X