Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Donativos LusoJornal

O Governo do Brasil confirmou ontem que uma das vítimas do ataque à Basílica de Nice é uma cidadã brasileira, de 40 anos e mãe de três filhos, tendo condenado “veementemente o atroz atentado”.

“O Governo brasileiro informa, com grande pesar, que uma das vítimas fatais era uma brasileira de 40 anos, mãe de três filhos, residente em França. O Presidente, Jair Bolsonaro, em nome de toda a nação brasileira, apresenta as suas profundas condolências aos familiares e amigos da cidadã assassinada em Nice, bem como aos das demais vítimas, e estende sua solidariedade ao povo e Governo franceses”, indicou o Ministério das Relações Exteriores em comunicado.

“O Brasil expressa o seu firme repúdio a toda e qualquer forma de terrorismo, independentemente de sua motivação, e reafirma o seu compromisso de trabalhar no combate e erradicação desse flagelo, assim como em favor da liberdade de expressão e da liberdade religiosa em todo o mundo”, acrescentou o Executivo.

O Governo brasileiro, presidido por Jair Bolsonaro, manifestou ainda a sua solidariedade “aos cristãos e a pessoas de outras confissões que sofrem perseguição e violência em razão de sua crença”.

No momento, o Ministério das Relações Exteriores do Brasil, através do seu Consulado Geral em Paris, encontra-se a prestar assistência consular à família da cidadã brasileira vítima do ataque.

De acordo com uma familiar da vítima mortal brasileira, que falou à rádio pública francesa RFI, a mulher foi ferida com uma faca e morreu num restaurante quase em frente à basílica, onde se tentou abrigar.

 

Comunidade
X