3   +   10   =  

Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

A prova ciclista francesa Critérium du Dauphiné decorre até 16 de junho. A segunda etapa, que ligou Mauriac e Craponne-sur-Arzon numa distância de 180 km, foi vencida pelo Belga Dylan Teuns da equipa Bahrain Merida. O melhor português foi Rúben Guerreiro (na foto) da equipa Katusha-Alpecin que terminou no 27° lugar a 1 minuto e 49 segundos do vencedor.

Três atletas portugueses participam nesta prova: Rúben Guerreiro e José Gonçalves da equipa Katusha-Alpecin, e Nélson Oliveira da equipa Movistar. De notar que a equipa Katusha-Alpecin é dirigida pelo Português, e antigo ciclista, José Azevedo.

Eis a classificação dos três ciclistas lusos nesta etapa: Rúben Guerreiro no 27° lugar a 1 minuto e 49 segundos, José Gonçalves na 51ª posição a 5 minutos e 34 segundos, e Nélson Oliveira no 71° lugar a 8 minutos e 50 segundos.

A geral individual do Critérium du Dauphiné é liderada pelo Belga Dylan Teuns. Os Portugueses ocupam as seguintes posições: Rúben Guerreiro no 50° lugar a 5 minutos e 50 segundos, José Gonçalves na 60ª posição a 9 minutos e 35 segundos, e Nélson Oliveira no 67° lugar a 12 minutos e 51 segundos.

Nesta terça-feira 11 de junho, a terceira etapa vai ligar Le Puy-en-Velay e Riom numa distância de 177 km.

 

LusoJornal Artigos
Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 1 Voto
9.6
X