Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Cultura

 

Obras dos artistas portugueses Pedro Costa, Rui Chafes e Paulo Nozolino vão estar reunidas numa exposição a inaugurar em 08 de junho de 2022 no Centro Pompidou, em Paris.

A exposição temporária consagrada ao cineasta, ao escultor e ao fotógrafo portugueses vai estar patente naquele centro cultural até 22 de agosto de 2022 na galeria quatro, indica o sítio ‘online’ da entidade.

Articulada em redor da instalação “As filhas do Fogo”, de Pedro Costa e Rui Chafes, e ainda da instalação “Minino macho, Minino fêmea”, de Pedro Costa, acompanhada por uma série de fotografias de Paulo Nozolino, “a exposição está pensada para ser um percurso mental e imersivo na encruzilhada das questões plásticas destes três artistas que têm estado envolvidos, ao longo dos anos, numa colaboração fecunda”.

A mostra coletiva apresenta-se sob a forma de “um diálogo renovado entre cinema, escultura e fotografia” criadas por estes três autores nascidos entre meados de 1950 e 1960.

No mesmo mês, Pedro Costa terá uma retrospetiva no centro de arte Jeu de Paume, em Paris. De acordo com aquele centro de arte dedicado à Fotografia e Imagem, a retrospetiva decorrerá de 14 a 26 de junho de 2022, e é apresentada como uma homenagem a Pedro Costa, a quem foi atribuída ainda uma ‘carta branca’, para programar escolhas pessoais, na instituição.

 

Donativos LusoJornal
X