Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.
Donativos LusoJornal

 

O Marseille aproximou-se ontem dos lugares europeus na Liga francesa de futebol, ao vencer em casa o último classificado Dijon, por 2-0, numa 31ª jornada em que Paris Saint-Germain, Lyon e Lens ‘escorregaram’.

O argentino Leonardo Balerdi (45+1 min), no período de descontos da primeira parte, deu vantagem ao conjunto Treinado Jorge Sampaoli, após assistência de Dimitri Payet, que viria, novamente, a fazer o passe decisivo para o espanhol Alvaro (79 min) fechar a contagem no Vélodrome.

Um dia depois do empate entre Lens e Lyon, quarto e quinto colocados, com 61 e 49 pontos, respetivamente, o Marseille ficou à beira da Europa, contabilizando, agora, 48, no sexto posto, embora o ‘top 4’ seja quase uma miragem.

O Campeonato é liderado pelo Lille, que no sábado foi vencer ao terreno do tricampeão Paris Saint-Germain, por 1-0, com 66 pontos, mais três do que os parisienses e mais quatro do que o Mónaco, terceiro.

No jogo Reims-Rennes, os golos surgiram só após o tempo de descanso, com o avançado Sehrou Guirassy a tornar-se na figura do encontro, com um ‘bis’ (75 e 83 min) para os visitantes, em resposta aos golos locais de Boulaye Dia (60 min) e Ghislain Konan (81 min), que, pouco depois, viram o colega de equipa e ex-FC Porto Moreto Cassamá receber ordem de expulsão.

Com sete jogos sem conhecer o sabor da derrota, o Rennes continua a almejar os lugares europeus, já o Reims segue em 12º, com 39.

Um ‘bis’ do avançado internacional dinamarquês Kasper Dolberg (11 e 29 min), ainda na primeira do encontro em Nantes (2-1), permitiu ao Nice dar sequência aos bons resultados na prova e passar a ocupar um confortável 10º lugar, com 42 pontos, os mesmos do Metz, enquanto os anfitriões, que reduziram por Toure, são penúltimos (28). Na equipa do sul de França, o extremo luso Rony Lopes foi opção a partir do minuto 61.

Também a viver um bom momento no campeonato (nove jogos sem perder) está o oitavo classificado Montpelier, que hoje não utilizou Pedro Mendes na defesa, no empate a um golo frente ao Angers (11º), sem o luso Pereira Lage.

A visita do Strasbourg a Bordeaux começou a correr de feição aos visitantes, com os golos de Kone, Diallo e Ajorque, ainda dentro dos primeiros 30 minutos, mas a reação dos anfitriões, com dois tentos de Baysse e Hwang, até ao intervalo, colocou incerteza no marcador (3-2), que não mais se alterou. Os dois emblemas partilham a 13ª posição, com 36 pontos.

Privado do lesionado Tiago Ilori, o Lorient continua a caminhar para se afastar dos lugares de despromoção e, hoje, diante do rival direto Brest (1-0), o tento apontado por Laurent Abergel (45 min) foi suficiente para garantir o triunfo, que deixa as duas equipas separadas por apenas três pontos, no 17º e 16º postos, respetivamente.

O tunisino Wahbi Khazri e o gabonês Denis Bouanga voltaram a colocar o Saint-Étienne na rota das vitórias e mais descansado na tabela (15º), na visita a Nîmes (2-0), que desperdiçou uma grande penalidade na reta final, por Ripart (87), e continua ‘aflito’ para deixar a zona vermelha da classificação.

 

Desporto
X